Direção elétrica e direção hidráulica: entenda já as diferenças


Se você sente dificuldade para manobrar seu carro e estacionar em uma vaga porque a direção mecânica é dura demais, aqui vai uma dica: a direção elétrica e a hidráulica deixam facílimos esse e outros momentos!


No entanto, esses sistemas de direção têm características próprias, e é importante conhecê-las antes de trocar seu veículo por outro. Enquanto um funciona com várias peças, o outro nem precisa do motor do carro!

Continue a leitura para saber como funcionam a direção elétrica e a hidráulica. Conheça também as diferenças e vantagens desses sistemas!

O que é direção elétrica? E hidráulica?

As duas são sistemas de direção que ajudam o motorista a fazer manobras no carro com mais facilidade. Quando o veículo não tem um desses sistemas, o volante fica pesado, e isso, dependendo da pessoa, pode dificultar o uso.

A direção elétrica é mais moderna e funciona de forma independente em relação ao motor. Ela tem um motor próprio que é ativado quando o volante começa a se movimentar — diminuindo o esforço feito por quem está dirigindo.

Já a direção hidráulica utiliza uma bomba hidráulica que faz circular óleo na caixa de direção. Isso deixa o volante mais leve e reduz o esforço feito pelo motorista. No entanto, esse sistema depende do funcionamento do motor do automóvel.

Quais as diferenças entre elas?

O modo de funcionar de cada direção já revelou algumas diferenças entre elas, não é verdade? Mas existem outras que precisamos destacar.

Enquanto a direção hidráulica necessita de óleo (que deve ser trocado a cada 50 mil quilômetros rodados), mangueiras, polias e correias, a elétrica é independente de acessórios mecânicos.

Outra diferença entre esses sistemas de direção é o tempo há que cada uma está no mercado. A direção elétrica é mais nova e surgiu na década de 1980. Já a hidráulica, que é mais popular, vem desde 1951.

Quais vantagens cada uma oferece?

Em comum, as duas direções deixam o volante mais leve e facilitam manobras como curvas e baliza. No entanto, cada uma oferece um conjunto de vantagens que deve ser considerado durante a compra do veículo.

A direção hidráulica, em comparação com a elétrica, oferece ao motorista mais controle do carro. É possível sentir melhor a tração do pneu e o peso do veículo. Além disso, sua manutenção tem um preço inferior em
relação ao outro sistema.

Sobre a direção elétrica, como é independente do motor do carro, exige menos potência do veículo e permite melhor controle em diferentes velocidades, pois se adapta a cada momento durante o uso.

O sistema elétrico é mais simples e, por não depender de acessórios mecânicos, demanda manutenção periódica menos frequente. Outra vantagem é a economia em relação ao combustível, já que não depende do motor do automóvel.

Agora que você conhece as diferenças e vantagens entre a direção elétrica e a hidráulica, pode escolher seu próximo carro adequando essas informações ao que você precisa em um veículo.

E se conhece alguém que não sabe como funcionam esses sistemas de direção, aproveite para compartilhar este artigo em suas redes sociais. Divida essas informações com outras pessoas!




Notícias recentes
Confira 4 vantagens de ter um carro com teto solar
Confira 4 vantagens de ter um carro com teto solar Saiba mais...
Saiba o que é e para que serve a correia dentada do carro!
Saiba o que é e para que serve a correia dentada do carro! Saiba mais...
Saiba quais foram eleitos os melhores carros do ano de 2018
Saiba quais foram eleitos os melhores carros do ano de 2018 Saiba mais...
Saiba como evitar o desgaste prematuro dos pneus do carro
Saiba como evitar o desgaste prematuro dos pneus do carro Saiba mais...
Receba novidades por e-mail
Campo obrigatório Digite seu Nome e Sobrenome
Campo obrigatório Informe um e-mail válido Informe um e-mail válido