Como escolher a melhor pintura automotiva? Confira!


A pintura automotiva não costuma ser citada nas pesquisas para compra de veículos. Entregamos a devida atenção ao motor, ao design, à tecnologia e à segurança, mas poucos se dão conta de que a cor de um carro pode interferir diretamente na sua revenda.


Existem diversos tipos de pintura — como a sólida, a metalizada e a perolizada —, assim como opções de cores variadas, e cada uma delas confere uma personalidade única para o carro. A prata, por exemplo, transmite a sensação de prosperidade, já a preta remete a segurança e poder.

Em geral, as pessoas optam pela melhor pintura automotiva tomando como referência moda, status e inclusão, mas existem outros pontos muito importantes que precisam ser lembrados na hora da escolha. Continue a leitura e confira!

Pensando na revenda

A pintura automotiva pode afetar significativamente o valor de um automóvel. Além de acompanhar tendências, ela também pode ajudar a atender um maior número de necessidades do consumidor, favorecendo a procura e, claro, o preço.

A cor prata, por exemplo, embora seja mais cara, é muito apreciada pelos proprietários. Além de conseguir disfarçar a poeira das cidades e pequenos arranhões como nenhuma outra, os carros dessa cor também têm fama de “fresquinhos”, pois retêm menos o calor do que os escuros — um benefício que também é percebido em veículos brancos.

Considerando a maior procura

Não se engane, as preferências dos consumidores mudam com o passar do tempo e variam de acordo com a época e a região. Embora visualmente os carros prata sejam muito comuns, é a pintura automotiva branca que quase triplicou em vendas nos últimos anos e já engloba 37% do mercado, segundo levantamento realizado pelo fabricante de tintas PPG.

Em seguida está a prata com 29% da procura em toda América Latina, a preta com 12%, a cinza com 10% e, em quinto lugar, a vermelha com 8%. Alex Amorim, Diretor do Laboratório OEM da PPG, aponta que a alta demanda dos últimos anos fez com que o mercado desenvolvesse maiores variações de branco, como o perolizado e o off White — um branco liso escurecido e levemente amarelado.

Os resultados da América do Sul estão muito próximos da média global. A pintura branca já é líder mundial de vendas e está presente em 38% dos automóveis produzidos. No segundo lugar global, porém, é a preta que domina com 16% da procura, seguida pela prata (12%) e a cinza (10%).

Levando em conta as tendências

Essa recente onda dos carros brancos pode estar associada a um apelo ambiental. Por refletirem a luz solar com maior eficiência, a utilização do ar-condicionado nesses veículos é menor, pois eles se aquecem menos. Consequentemente, o consumo de combustível também é reduzido, assim como o lançamento de carbono na atmosfera.

Foi usando esse argumento que, em 2009, o governo da Califórnia, nos Estados Unidos, quase proibiu a comercialização da pintura automotiva preta. Seja como for, em países de altas temperaturas como o Brasil, os carros brancos devem continuar
ganhando valor.

Priorizando a personalidade

É claro que não é agradável escolher um carro pensando apenas nas preferências do seu próximo comprador. Para algumas pessoas, o prazer de ter o veículo dos sonhos pode compensar eventuais prejuízos na revenda. Mas, por outro lado, também é possível equilibrar os desejos pessoais e as vantagens de um futuro bom negócio.

Conjuntos estéticos menos tradicionais também podem fazer sucesso. A pintura laranja em carros com design aventureiro, por exemplo, é muito aceita no Brasil, assim como linhas e tons esportivos estão sendo cada vez mais explorados em veículos populares.

E quem não se lembra do famoso Camaro amarelo, que só passou a ser mundialmente desejado após o seu sucesso nos cinemas e nas músicas?

Portanto, é bom ressaltar que as preferências de pintura automotiva podem variar de acordo com a região, o tipo de automóvel e sua representatividade no mercado, o momento da venda e até possíveis tendências inesperadas.

Mas, de maneira geral, as cores neutras devem continuar dominando os veículos devido ao seu menor índice de rejeição e à capacidade de atender um público mais diversificado.

Quer mais dicas e notícias sobre automóveis? Então, assine nossa newsletter e receba, em primeira mão, todas as novidades do blog!




Notícias recentes
Confira 4 vantagens de ter um carro com teto solar
Confira 4 vantagens de ter um carro com teto solar Saiba mais...
Saiba o que é e para que serve a correia dentada do carro!
Saiba o que é e para que serve a correia dentada do carro! Saiba mais...
Saiba quais foram eleitos os melhores carros do ano de 2018
Saiba quais foram eleitos os melhores carros do ano de 2018 Saiba mais...
Saiba como evitar o desgaste prematuro dos pneus do carro
Saiba como evitar o desgaste prematuro dos pneus do carro Saiba mais...
Receba novidades por e-mail
Campo obrigatório Digite seu Nome e Sobrenome
Campo obrigatório Informe um e-mail válido Informe um e-mail válido