Descubra o momento ideal para vender o carro



Definir a hora de trocar o carro é uma tarefa que muita gente faz sem utilizar critério algum. Geralmente o que leva a pessoa a tomar essa decisão é a elevação de valores gastos com a manutenção. De certa forma, esse é um bom motivo para vender o carro, mas não é o único.


Existem outras maneiras de avaliar se é o momento certo para trocar de veículo — até para evitar que as despesas com reparos comecem a apertar o orçamento.


Neste post selecionamos algumas dicas para você saber qual é o melhor momento de vender o carro. Confira!


Considere o tempo de uso do carro


Existem alguns indícios de tempo de uso que ajudam a definir se está na hora de trocar o carro ou não. Você pode vender o carro, por exemplo, ao término do período de garantia do veículo — isso porque a cobertura do fabricante acaba e você pode ficar na mão.


Outro indicador é o tempo em que peças de plástico e de borracha ficaram expostos ao sol e à chuva. É sabido que passados 5 anos, esses artefatos tendem a se deformar e começam a gerar ruídos bem incômodos.


Agora, se você roda muito todo mês — algo em torno de 40 mil quilômetros ou mais —, o ideal é que em 2 anos você comece a pensar na troca.


Avalie a quilometragem


Em geral, os carros começam a gerar mais gastos com manutenção após os 100 mil quilômetros rodados. O desgaste das peças já fica mais aparente e as despesas com consertos tendem a aumentar. Aí entra também o fator de disponibilidade do carro: se você o utiliza para trabalho, não dá para correr esse risco.


Agora, se o tipo de serviço em que o veículo é empregado for mais bruto, essa quilometragem diminui consideravelmente.


Saiba se o modelo do seu carro vai sair de linha


As montadoras costumam indicar que você pode perder dinheiro com o seu carro. Quando um carro sai de linha, a tendência é que todos do mesmo modelo sofram com uma desvalorização. Isso porque o mercado indicou que esse veículo não teve uma boa aceitação ou que não produziu os resultados esperados pelo fabricante. Percebendo isso, tente trocar o carro a tempo de evitar um prejuízo.


Pense no melhor mês do ano para vender o carro


Quando falamos do tempo certo para fazer negócio, não podemos deixar de lado o melhor mês para isso.


É sabido que no início do ano incidem em todos os veículos os impostos como IPVA, seguro obrigatório e licenciamento. Você pode evitar um gasto extra ao fazer negócio antes desse período e evitar o acúmulo de despesas no começo do ano. Se conseguir segurar um tempo sem o carro, passado o início do ano você pode comprar um veículo que já venha com esses impostos pagos.


Uma coisa é certa: se você não sai da oficina, está passando da hora de vender o carro e deixar essa dor de cabeça de lado. Investir na troca do veículo e desfrutar de mais sossego e segurança, além de economizar aquela grana com peças e serviços de manutenção, soa bem, certo?


O que achou das dicas? Se você gosta de carros assim como nós, curta a nossa página no Facebook e fique por dentro de outros conteúdos como este!




Notícias recentes
Confira 4 vantagens de ter um carro com teto solar
Confira 4 vantagens de ter um carro com teto solar Saiba mais...
Saiba o que é e para que serve a correia dentada do carro!
Saiba o que é e para que serve a correia dentada do carro! Saiba mais...
Saiba quais foram eleitos os melhores carros do ano de 2018
Saiba quais foram eleitos os melhores carros do ano de 2018 Saiba mais...
Saiba como evitar o desgaste prematuro dos pneus do carro
Saiba como evitar o desgaste prematuro dos pneus do carro Saiba mais...
Receba novidades por e-mail
Campo obrigatório Digite seu Nome e Sobrenome
Campo obrigatório Informe um e-mail válido Informe um e-mail válido